Há DOR, mas há CURA.

Quem nunca sentiu uma dor que achou que não iria ter curar que atire a primeira pedra! Acho que nenhuma pedra foi lançada por quê todos nós, dotados de sentimentos, estamos sujeitos a vivermos dores que assemelham-se com coisas incuráveis. Entretanto, toda dor pode ser curada. Não existe fórmula mágica, mas existe algo chamado “autoestima”. Uma simples palavra aos nossos olhos, mas que é de um poder transformador extraordinário. Característica presente nos indivíduos que valorizam-se, ou seja, contentam-se com seu modo de ser e demonstra, consequentemente, confiança com os seus atos e julgamentos. De contra partida, quando não há sabedoria essa característica pode tornar-se uma âncora que lança ao fundo do poço aprisionando em seus atos irracionais os indivíduos desprovidos de discernimento, ou seja, sabedoria. E por pior que seja imaginarmos, há diversos indivíduos que acham que são sabeis quando, na verdade, não são. Esses são aqueles que irracionalmente tomam atitudes sem pensar nas suas consequências. Toda atitude tem uma consequência, por menor que seja. Estamos falando de atitudes de um individuo para outro(s). É uma triste realidade, mas esses indivíduos que não são sabeis constroem cenários em suas vidas superficiais. Eles acreditam que são corretos e que engana a quem estar em sua volta. Desculpa dizer, mas se você vive uma vida em qual esconde coisas de outras pessoas você se enquadra na categoria de pessoas tolas e com presença de autoestima defasada. Não é fácil aceitar, mas é fácil mudar. De inicio você deve reproduzir uma vida sincera, ou seja, com verdades. Sendo mais objetivo: Sem dupla personalidade. Que convenhamos não é algo nada legal. Ultimamente eu tenho aprendido muito a respeito de que a minha boca fala aquilo que meu coração ta cheio. Na teoria é lindo, mas na pratica diversas pessoas desconhecem que o coração é a central de emoções e, até o inocente órgão que bombeá sangue em nosso organismo, têm sido enganado. A boca pode até falar aquilo que o coração ta cheio, mas a boca não fala aquilo que o coração e sua consciência escondem. O passo principal para a mudança é viver a verdade. Verdades libertam, mentiras aprisionam. Hoje o índice de indivíduos que não pesam as consequências dos seus atos, em escala global, é imensa. É um realidade triste, porém vivida por varias pessoas. Contentar-se com seus atos é perfeito quando são atos sabeis e não tolos. Ser sábio é fugir de um processo de autossabotagem e lançar-se em um universo mais realista e construtivo que ira direcionar sempre em movimento progressivo, ou seja, um caminhar de atitudes que fará crescer como individuo. Mas retornando ao foco principal: Cura da dor. Acho que com o desenvolver desse texto somos capazes de notar que a sabedoria e a verdade são pesos importantes no processo de cura. Sim, a cura da dor vem por intermédio de sabermos discernir e agir diante as situações que chegam até a nós. Um exercício diário que quando aprendido é uma arma “boa” em mãos sábias. Saiba o momento de parar com algo que traz dor e continuar com algo que traz paz. O maior prazer é deitar-se na cama e ter sua consciência “leve” por saber que todos os seus atos foram construtivos. Então mantenha-se sempre longe de tudo que é ruim e alcance a cura de dores com a sabedoria e a verdade, que nem é preciso desenvolver após todo detalhamento sobre pessoas tolas.

Post Author
Murilo Ferreira
Seminarista em Teologia que traz consigo uma fixação por aconselhamento pessoal com ênfase na parte sentimental. Suas paixões são divididas em duas partes: As concretas — Deus e Família, e às abstratas — Viagens, Praias e tudo aquilo que envolve o auxílio ao próximo. Criador de uma FanPage denominada de Eterno Amor Meu na rede social Facebook.

DEIXE SEU RECADO USANDO UMA DAS REDES SOCIAIS

Ancorada no Instagram

Junte-se a nós no Instagram